quinta-feira, abril 07, 2016

Quem sabe o significado?

Sem ir ao google, alguém sabe o significado desta tatuagem?  Não, não é minha.


Sou o que quiseres... Mas quando eu quiser.

22 comentários:

  1. Não faço a mínima ideia... mas acredito que mais tarde vou ficar a saber
    .
    Deixo um carinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se ninguém acertar, eu ponho. Um beijo

      Eliminar
  2. Vitima violência doméstica

    ResponderEliminar
  3. Uma avaliação "literal" da pontuação...todos nós somos em alguma medida e instantes...não tão complacentes como uma virgula, alongando o momento sem chegarmos a lhe colocar um ponto final.
    Será a Pink uma ;

    ResponderEliminar
  4. Significa: Eu sou aquilo que sou e não aquilo que tu queres que eu seja.

    ResponderEliminar
  5. Esta tatuagem I am ( eu sou...) conjugada com o ponto e virgula tem várias interpretações que não são fáceis de explicar. Há 3 ou 4 anos, recordo-me de nas redes sociais aparecer um movimento que não recordo o nome afecto ao ponto e vírgula. Tinha a intenção de eleger o amor como fonte principal e espiritual, da força mental, fazendo com que a esperança de vida ao nível do amor fosse, digamos, que um curativo para pessoas que estivessem menos bem. Eu sou ... eu quero ser ... eu acredito no amor...
    Na altura as tattos no pulso foram uma moda que muitos jovens decidiram incorporar.

    Penso que será mais ou menos isto. Não recorrendo à Google como aqui se pede, falo por memória e não por outra situação.

    Se for outra coisa, Espero melhor explicação da autora da publicação, como é lógico

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faltou-te um danoninho para acertares, na verdade a pulseira nada tem que ver com a tatuagem a não ser que a pessoa queira.
      Três grupos de pessoas fazem aquela tatuagem:
      1 - quem já se auto-mutilou/esteve em depressão/tentou suicídio e a tatuagem mostra que a vida continuou e que hoje esses problemas estão superados
      2 - quem faz parte de grupos de apoio e apoia essas pessoas mostra a quem está doente que a vida não para mesmo com esses pensamentos suicidas

      3 - Quem está efectivamente doente, pode olhar para a tatuagem e ver que a depressão/ideia suicida ou outro transtorno não transforma a vida num ponto final.

      Eliminar
    2. Diz o ditado: Quem sabe sabe e... ensina...

      Será ponto e vírgula, ou ponto final? Fica a dúvida!

      Obrigado. E que bem que agora um danoninho...sabia bem, lool

      Eliminar
    3. Sou grande defensora do fim dos preconceitos e frases deitas contra as doenças invisíveis... Nuno, matam mais que muitas físicas... :(

      Eliminar
    4. Sem dúvida. Calo-me antes que fique mal visto pois, se calhar, não tenho bagagem oral para tão ilustre menina letrada.

      Que a felicidade fixe residência em teu coração.

      Eliminar
    5. Oh não me trates com essas palavras tão formais defendo que todos precisamos de ajuda e temos direito à mesma. Sou feliz. E espero que o sejas também, fazes parte da minha felicidade, pois esta é feita de pequenos momentos, e de grandes comentadores, como tu, por exemplo.!

      Eliminar
    6. Ah, ah, ah!!! Ou eu empurrei?

      Eliminar
  6. Pelo símbolo parece-me parênteses...
    Mas não sei, ficarei a aguardar :) Acabei de conhecer o Blog.

    Bejinhos,
    www.wordsofsophie.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sophie, não é isso, muito bem vinda vou visitar o teu blog. Obrigada pela simpatia... Um beijinho

      Eliminar
  7. Eu não sabia disso... obrigado pela bela lição de coisas....!! Aprendi mais uma!!!
    Eu iria arriscar "Eu sou... e ponto e virgula.
    O que significaria em metáforas algo como "eu sou e ponto." A vírgula é que o mundo segue.
    Ou então, uma alusão ao rodapé da linda moça Pink Poison que diz:
    "Sou o que quiseres... Mas quando eu quiser."
    Ma vejo que não ganharia a prenda....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aprendi com um amigo virtual brasileiro que exibe a sua com muito orgulho. Beijos amigo

      Eliminar
  8. não sabia o significado, mas agora que sei, tem um pouco de mim tb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois acredito que muita gente se identifique um pouco. Beijinhos

      Eliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.