Absorve-me mas em várias fracções

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Dedicado ao Candy boy



Resisto.
Resistir não será um verbo que aprecio, mas resisto. Até as tuas mãos estarem gravadas na minha pele por instintos que tu desconheces, mas que descreves na perfeição.
Nada é uma obsessão se ambos gostarem, da tua sede, serei água, da tua avidez, serei loucura, da tua mão irás desenhar a tua imagem na minha pele.
Cravado na mente, no peito, na carne e alma. 



O poder da Natureza é infinito, eu sou natural.

Bom dia

O poder da Natureza é infinito, eu sou natural.

Bom dia

O poder da Natureza é infinito, eu sou natural.

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Se eu estou velha? Sim...



O poder da Natureza é infinito, eu sou natural.

É não é?





O poder da Natureza é infinito, eu sou natural.

Moral e puritanos aproveitadores



Farta de que a moral seja aproveitada pelos puritanos para condenar os comportamentos sociais.
Pergunto. Para onde vais? Fica comigo, mesmo que ao lado, ausente a viajar nessa tua mente conturbada, pesada e que tanto me agrada. Auto estima que não aumenta com elogios meus, com o prazer que dás.
Ausente. Corpo presente. Viagens mil. A viagem hoje e agora é em mim, fica comigo mais um pouco ainda que paires sobre mim, enquanto voas nesses teus pensamentos cheios de nós. A insónia, é dado adquirido, festejemos, portanto, as entregas de corpo e alma, celebremos então o bom que outro nos dá, porque afinal, sem os outros nada somos.
Quem serias tu , sem alguém para te mirar enquanto foges para o interior da tua mente como quem busca redenção?
A tua redenção sou eu . Ou serão os puritanos que se aproveitaram do conceito de moral?


O poder da Natureza é infinito, eu sou natural.

Bom dia

O poder da Natureza é infinito, eu sou natural.

sábado, 24 de fevereiro de 2018

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018