Absorve-me mas em várias fracções

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

Dos dois

Somos um do outro.

Seremos sempre. Sempre que um de nós sorrir, estará o outro a sentir o sorriso. Chegas-te a mim e o nosso corpo passa a ser um. Só um, único, como tu. única, como eu , que sou eu e tu, que sou mais eu com o teu sabor, o teu toque e sinto-me mais viva.

Dás-me vida e recebes a minha. 

Dás-me amor e recebes o mundo, o meu mundo




 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

sábado, 9 de janeiro de 2021

sou eu

Sou eu, a Pink
Sou dele, fui tua 
Fui história
Faço história, escrevo história
Esqueço as histórias
Provoco sentimentos, provoco história
dou histórias para contar
Dou visões para os olhos
Dou-me
De corpo e alma.
Sem pudores nem amores, eu sou o que sou.
Fui quem fui e quem se orgulha de contar com desdém, não se orgulha da sua história, pega na minha.
Aqui está, mais uma!

 


 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

quarta-feira, 6 de janeiro de 2021

O ser da Pink

Eu, não sou o que tenho, o que me deram, os diplomas que tenho, eu sou aquilo que sinto. Sinto muito, sinto tudo, desejo intensamente e sonho acordada com o que desejo. 
Eu sinto indecisão, sinto carinho e saudades... Nada disso é material. Ah, também sinto orgasmnos múltiplos, o que é boommmmmmmm




Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

sexta-feira, 1 de janeiro de 2021

Para seres meu

Sê meu, sê autêntico, sê fiel ti, ao que achas justo, correcto, fode como queres, fode-me como eu quero. 

Bebe um trago de mim, serei a próxima a beber . Não derrubes nada à tua volta , inclui-me na redoma. Sê justo, sê honesto, sê bruto, amarra-me e cheira-me, morde-me, devora-me, rasga-me a carne. 

Beija-me as vezes que quiseres, marca a tua mão em mim, as vezes que quiseres, a dor aliada ao prazer, é prazer apenas.

Bom ano


 

 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

terça-feira, 29 de dezembro de 2020

deusa

 Nem sempre somos esperados por aquilo que, supostamente nos devia esperar. Atravessamos pontes, corremos por ruas e guetos e quando percebemos, estamos a correr para nada. O ser humano não sabe o que é “just be” no mundo. Agarrar em paixões e viver as mesmas como se tudo fluísse a favor e não a favor daquilo que supostamente nos espera. Num templo adoramos criaturas que eram perfeitas mas com características humanas. Não serei uma deusa? A deusa cor-de rosa como um dia me chamaram... Não deveríamos querer correr tanto como alguns animais conseguem, voar como as aves... Suar para superar o que somos, porque somos tão pouco, usamos tão pouco do que nos foi dado. Cara a cara com um oponente, sabemos o que devemos pensar, quando nos mexemos, queríamos a força de um leão, a imponência de um elefante... Tudo menos um ser humano. Porque chora. Porque dói. Porque sangra. Porque a carne pode ser cortada.

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

sábado, 26 de dezembro de 2020

Eu e eu... Sinto - me candy

Na noite mais fria do ano, a vossa pink, retoma velhos hábitos. 
Quem resiste a um corpete, quem resiste a água quando se tem sede? 


Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

segunda-feira, 21 de dezembro de 2020

O Julgamento

Linha da frente, dizer a verdade, o que importa a opinião alheia.
Não estão em mim, não me sentem, não sentem o mundo como eu, não atentam aos pormenores.
Porque, quando se quer bem, se ama, o que é do mundo é meu, e teu, e o teu mundo meu.
O meu ódio pelo mundo, não se afasta num comboio, julguem-me 5 minutos antes partir, levarei toda uma eternidade a desacreditar este mundo, esta sociedade...

Não chores, não estava escrito que eu deveria ter
nascido nesta época




Sou a Pink Poison e sou única, cópias, existem imensas...

domingo, 20 de dezembro de 2020

Um dia

Um dia, iremos perceber que o que resta, são as boas recordações. ódios? Não me alimentam, consomem.

 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

Chegou a desigualdade

Agora vamos ter a verdadeira desigualdade .

Se já existem os que tudo negam em relação à pandemia, agora irão insurgir-se contra os critérios quem é vacinado primeiro. 

A sociedade , a democracia, nunca esteve , nos últimos 100 anos, tão debilitada, todos sufocam, todos criticam e todos não fazem melhor. Nada melhora se não formos pela lógica, na doença, qualquer ideologia é refutada, anulada.

 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Dos cenários belos

Dos cenários belos, atrevidos, proibidos... Também sobra dúvida, intermitências do que se quer e do que se pode. 
Em determinado momento, para mim querer é poder. Mas estou ciente das dificuldades. 
Belo é o desejo. O desejo só por si é um elogio, é quase um bem querer. Do desejo cru, que rasga a pele e o corpo pede mais, surge a escolha. 
Usamos o cérebro? O corpo ou a alma?
O cérebro para parar, o corpo para sentir, a alma para a tristeza ou saudade do toque. 


Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

terça-feira, 24 de novembro de 2020

ele que é tão estranhamente fraco e belo

Havia nele a incerteza da presença. E a certeza da forte presença. Quem vê mais além, gostava da incerteza, pois nele, tudo mudava nas emoções várias vezes ao dia. De tão lindo que é, havia se esquecido de gostar de si, de tão forte que tentava ser, havia esquecido o abraço. Nada disso impedia que fosse bom, fosse amado e fosse forte. O  medo dele era forte, quase que o devorava, tão intenso, tão verdadeiro como ele. Ele, assim mesmo, com medo, com força e coragem para lutar. Desta beleza de luta, havia a beleza dele, dos seus traços, do seu sorriso e educação. Era muita coisa misturada que resultava num grande homem
Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

sábado, 14 de novembro de 2020

Sem sorrir

Sem dúvida que sem sorrir, rasgas sorrisos. A tua certeza é a de que vives com sonhos. Lutas para isso e encantas. Se um sonho não dá à esquerda, tu vais pela direita
Tortura é o nome do meu olhar para ti num momento proibido. 
 
Da tua irreverência, da tua atitude, eu não tinha percebido, mas não há como dizer o que se é. Mesmo sem sorrisos, mesmo apenas com o cruzar de uma brisa de olhar, tu estás ali sério, a alimentar a minha fome, a aumentar a vontade. 
Este és tu. Assim, cru, quem sabe cruel, quem sabe? 


 
 
Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

segunda-feira, 9 de novembro de 2020

Selvagens? Loucos? Apenas sexo

O sol ia alto e no meio de um lamaçal encontraram um local, se tinha ângulo de visão para as casas ali perto, não preocupava.  

Os nervos dele, eram a calma da experiência dela, o corpo dele, era a vontade dela desenhada por um artista do renascimento, a sua falta de carinho mas a extrema vontade de a possuir compensava a ausência de um lado mais carinhoso ou cuidadoso. Ele queria foder, e foder a sério, embora estivesse nervoso e sem saber como começar, todo ele era sexo, todo ele era aquele tipo do café, do cigarro, que nem ginásio fazia e o corpo estava maravilhoso.

Um dia teria dito que era bruto. E foi bruto, desde dedos marcados nas suas nádegas, ancas arranhadas de puxar , gritos, suores que escorriam pela face abaixo, aqueles dois tudo fizeram naquele pequeno caminho de lama. Aquele limoeiro nunca mais iria ser o mesmo. Não depois daqueles dois furacões se terem cruzado e, a bem dizer, devorado

Para os dois: eram insaciáveis


 

 

 

 

 

 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

domingo, 8 de novembro de 2020

Não te esqueças do meu nome no vapor do espelho

A espera é ácida, é ansiedade, é tesão... Esperares por mim, todos os dias com vontade de me ter, é mais e mais prazer na hora. Saberás na altura que tudo o que foi dito, insinuado, suspirado, se irá concretizar.no vapor da casa-de-banho, depois de um banho, escreves o meu nome no espelho, desenhas as aventuras que teremos, tomarias mais 100 banho para teres onde escrever. Sentes-te limpo de alma e de corpo para mim.

Porque tu és aquele que sabe esperar, que como tocar, como mexer na alma, tocar no corpo não chega, tu és aquele que abres o teu mundo par ao meu entrar. Eu sou aquela que te abre as calças, as despe e te faz desmaiar de prazer.



 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

terça-feira, 3 de novembro de 2020

Do coaching

Não percebo  esta nova ideia de profissão: "sou coach"... Então as pessoas são idiotas chapadas e tapadas que não vão procurar ajuda nas infraestruturas já providenciadas pelo estado, pela psicologia, pela sociologia e economia. O Éder , quando fomos campeões europeus , agradeceu à sua mental coach... 

1 quem quer ajuda, procura ajuda especializada seja em que ramo for.

2 Ninguém deveria ser pago para dar palmadinhas nas costas sem ter uma coisa chamada licenciatura/mestrado numa área específica.

3 Só cai quem quer, já existem ajudas. O coach é para quem não tem amigos e paga para ouvir que se gosta da pessoa. É a minha opinião.


 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

sábado, 31 de outubro de 2020

mundos alternativos



Porque os mundos alternativos, não devem andar por aí, devem, sim, estar dentro de nós para estarmos bem. A  música, que nos incita a um mundo, a um monte Olimpo, a um bem estar incondicional, a uma batida boa, saborosa que nos embala enquanto fechamos os olhos.
Enquanto abraçamos a pessoa que amamos.
Então fazemos o que queremos.
Como ser e estar de corpo e alma.
Como sofrer tanto a olhar para um ringue como se chora ao ver a vitória.
Orgulho. Drama. Castelos?
Sejam...
Assim, inteiros, bons e autênticos, uma patente a registar, um furacão na vida de alguém.




Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

Viciante, tu és

Nada é mais desafiante do que uma pessoa que é viciante. Vontade de dar colo, vontade de sexo (do bom), educação , cultura para debater tudo e mais alguma coisa. O ringue? Não há. Apoiar a cabeça nas tuas pernas e sentir o cheiro a tusa, fala por si... homem quer...
Viciante o sexo contigo? Ou tu és viciante?
Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

o eterno 007

Estamos mesmo pobres. Gostei muito de Alcatraz dado que não vejo os filmes de 007

De figuras, de orientação, de amor... Sotaque da Escócia que adoro




 

 

 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

sexta-feira, 30 de outubro de 2020

Dos gajos que não valem nada

Sinto-me a nadar contra a maré. eu que o estou a fazer e continuo, porque, naquela altura da vida, pouco era melhor que nada. Noites mal dormidas, encontros de madrugada. Tudo o que havia em mim, eu pus em ti. Tudo. Não haviam réstia de desconfiança em mim, eras tu um achado , com gostos em comum, com promessas, com factos, com carinho.

E com mulher em casa!



 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

segunda-feira, 26 de outubro de 2020

Silêncio que despe

De qualquer forma, um dia de trabalho não anula um sorriso.Sortudo do homem que faz uma mulher rir. As pessoas sentem-se vivas e, no entanto, deixam a cabeça dos seus amores com insónias… contraditório que o amor e a necessidade que temos de estar com alguém, nos desestabilize, nos faça ser impulsivos…Hoje, só por hoje, dá-me um beijo, daqueles beijos que me arrepiam, agarra-me na minha cintura com força, olha-me bem directo nos meus olhos e deixa que o silêncio nos dispa de palavras, de expressões.

Vestiremos o toque, o desejo e sempre mas sempre com um abraço no fim…



 

Pink Poison(ver ©COPYRIGHT)

terça-feira, 13 de outubro de 2020

Nós, no comando.



Devaneias quando não sentes o meu cheiro, é o dilúvio se eu não apareço... Não. Nada disso.
És a calma e precisão que uma impulsiva como eu necessita, és previsível. Mas não no sexo. Afinal quem manda sou eu, tu apenas és pontual e pouco falas. Depois de mais de uma década sei que a tua natureza é essa. Sentes-te atormentado, excitado, delirante e aí estás, ainda de fato e gravata...
tentas falar, tapo a tua boca com a minha, e não saímos do hall, é mesmo ali que os teus pobres 45 minutos se enriquecem de pecado, fora da vista de quem não devia ver, não será o nosso último encontro, somos íman, somo dupla, somos cúmplices, somos amigos, somos sexo, cheiramos a sexo, fazemo-lo bem um par ao outro. Esperava mil anos para encontrar outra alma gémea no sexo como quando fomos apresentados.
Tormenta ou delírio? qualquer uma das duas é prazeirosa pois sei os teus lábios estarão nos meus quando voltares a correr para mim, por pouco tempo mas voltas e nada, nem no céu ou inferno, nos faz gritar:  não!
Decidimos inconscientemente que as nossas almas, são os nossos corpos, sem tempo, sem idade, apenas com destinos. Os meus olhos destinam-se a olhar dentro desses teus verdes olhos que se fecham de quando em vez, quando sentes o meu calor. O teu calor é o meu, a tua tesão é a minha...
Não tenhamos medo de nos tocar, afinal, a próxima vez está sempre garantida. Eles não nos forçarão a parar, não nos controlarão.
O nosso sexo é a nossa superioridade

pink poison ver @copyright