sábado, julho 16, 2011

O você e o tu

Tenho duas amigas, com quem falo de tudo e a quem elas confiam coisas que não confiam a mais ninguém senão a mim... Tratamo-nos por você, talvez pela relação profissional em que nos conhecemos e acabámos por nos tornar próximas mas é um hábito que não incomoda.
Tive uma experiência dessas, com outra pessoa que, de repente, comecei a tratar por tu, e não vos digo mais nada, apenas que: se tiverem um caso desses nas vossas relações, não mudem. Quando tratamos as pessoas por tu, parece que, de repente, podemos dizer as verdades da forma mais cruel, perder alguma delicadeza, enfim... E a outra parte também se sente igual...
Não generalizo mas já vivi essa experiência e assisti.  Não recomendo...
Continuo uma mulher quente mas a febre está a desaparecer...
EU, NÃO PAREÇO, EU SOU.

2 comentários:

  1. há coisas nas quais não devíamos mexer...mas enfim!


    se a saúde está a vir em força...óptimo!!!


    beijo

    ResponderEliminar
  2. Fogo... nao tenho nenhum amigo/a da minha idade a quem trate assim, mas tenho alguns mais velho com quem sempre houve essa formalidade, e nunca atrapalhou :)

    Beijokas

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.