terça-feira, maio 17, 2016

Linear? (respost de 2013)

Existe a barreira ente o dia e a noite. A água e o vinho, a loucura e a sanidade... Tantas barreiras que não passam de linhas ténues que nos confrontam todos os dias, em momentos que não queríamos o confronto e não existe esquiva possível.
Existe um mundo que parece perfeito e, como alguém diz, a realidade na qual vivemos é criada por nós... Via isto como: se sorrirmos para o mundo, o mundo sorri para nós.
Nada é tão linear, não é tão fácil de criar e mudar porque os outros não
mudam, moldam-se ou nós moldamo-nos a eles. E eu que me recuso a moldar?
Por ser eu?
Por ser louca como os "pré-conceituados" desta nossa tão mal concebida sociedade, dizem?
Não tirei uma licentura rápida, e a Faculdade até foi a mesma, desisti de uma prova de um concurso público a meio, e depois?
Tenho fotos  semi nua na net, que fazem "save as"... e? (Direitos de autor)
O mundo mudou?
É isto construir uma realidade?
Então quero construir uma realidade mas não forçando ninguém a ficar nela...
Realidades várias foram criadas, no meio de tantos pensamentos e bloqueios e modos de estar, comigo lá inserida sem saber...
A minha realidade: Incondicionalidades
Aceitação
Poucos sorrisos
Palavras s cruas e nuas e directas como uma seta ao coração
Mais acções
Mais abraços
Mais força de vontade.
Eu, não posso ser mais directa e dona de mim, já sou um furacão como alguém me chama.



Sou o que quiseres... quando eu quiser.

4 comentários:

  1. Na vida, há que ter de tudo um pouco. Um pouco de loucura é salutar e faz bem ao ego.
    Gostei de te ler.


    Beijos...Espero-te
    AQ: Prazeres e Carinhos Sexuais

    ResponderEliminar
  2. Mundos perfeitos só no cinema ou na cabeça de cada um de nós, os que não desistem de sonhar acordados.
    Se não encontras o mundo perfeito, procura um momento de silêncio e solidão desejada e cria o teu.
    Em sonhos até conseguimos voar. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse mundo encontro, quando me deito mais cedo, e ponho os phones no máximo e ligo o Ipod. Aí sim :)

      Eliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.