terça-feira, maio 17, 2016

Trust me


Agarra na minha mão... Aperta-a durante uns segundos que se irão transformar em eternidade durante essa eternidade estarás em mim, serás eu, terás a minha essência, suga-a para todo o teu ser ter a minha essência... Ouve essa melodia que se transforma num cheiro, num calor, numa humidade. Gosto do todo, do total, do mau e do bom, gosto de ti. Sejas tu quem fores e estás no teu trono monte Olimpo à minha espera... Olha em volta e vês-me, respiras-me, dá-me mais, quero mais... Não largues a minha mão e serás bem guiado num rodopio de beijos, de corpos, de paixão e de intensidade.
Toco o violino, choras, contas a tua história, igual a tanta outras mas tão especial para mim, serás um Deus do monte Olimpo ou estás ao virar da esquina?
Tem sede de mim, tem ânsia em ter-me, beija-me, beija-me mais, com mais intensidade, até a minha boca ser a tua e a tua ser a minha. Vem sempre guiado pela minha mão, terás em mim o teu lado intocável e eu serei a tua senhora paixão...
Dá-me um mundo para viver nele, dá-me saudavelmente, dá-me música, dá-me todo o conforto e a minha mão guia-te. às profundezas do meu prazer, às maiores profundezas do que há de bom no ser humano. A maneiras como respiras, a forma como andas, a forma de te expressares, serás com certeza um Deus, humilde habitante do Monte Olimpo, serei eu a tua folha tábua rasa para começares uma teoria, um tema. Eu sou a tua história, crê em mim...
Ou nunca me conheças...

Sou o que quiseres... quando eu quiser.

16 comentários:

  1. Um texto há tua imagem sem dúvida ;)

    Beijos grandes amiga

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Tenho sempre saudades tuas :)

      Eliminar
    2. Que bom mas estamos perto meu querido amigo.

      Eliminar
  3. Um texto escrito à imagem de um livre imaginário. Uma mensagem para alguém certamente, seja um ser vivo, existente, seja aquele Deus do Olimpo que só existe no pensamento. Um GRITO de oferta em palavras de esperança. Adorável de ler

    Fica feliz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Nuno, ainda bem que gostaste. Fica bem, Abracinho apertado!

      Eliminar
  4. Gostei do texto... "Sou a tua história, crê em mim... Ou nunca me conheças..." é tão profundo... por um lado mostras-te disponivel , por outro uma porta fechada...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes, por vezes entregamo-nos tanto que, se não formos amadas, mais vale não acontecer essa entrega. Porque a entrega desgasta, cansa e tira-nos um pouco de alma...

      Eliminar
    2. Mas quando as pessoas gostam, partem para cima e entregam-se. De outra forma é só perder tempo. Vale sempre a pena quando a alma não é pequena. Uma coisa é certa, umas pessoas entregam-se e outras querem entregar-se mas encolhem-se e escondem-se para prejuízo de todos.

      Tem a ver com coragem e espírito de sacrifício, é sempre mais fácil não tentar. Logo por aí anda meio mundo desencontrado.

      Eliminar
    3. Cair em cima e a pessoa fugir implica cair estatelada no chão.
      Isso não é para mim.

      Eliminar
    4. Anónimo, quando comentar, identifique-se :)
      Grata

      Eliminar
  5. Um texto brilhante, adorei!!! Muito bom!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ninguém caiu, ninguém ficou ferido ou entalado mas sim muita emoção! Beijos

      Eliminar
  6. Olá Monica Isabel Silva.

    ResponderEliminar
  7. Ui, como te entendo! A parte final então combina totalmente! Se é para ser, que seja intenso e total. De outra forma não vale a pena.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Conhecer, amar e não ter igual a sofrer!
      Beijos Esmy!

      Eliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.