terça-feira, maio 24, 2016

Já chega de preconceitos não?



Sou o que quiseres... quando eu quiser.

9 comentários:

  1. Bom dia
    E penso que ninguém precisa de rebelar pelo facto em questão. Não será isso natural? kkkkkkkkkkkk

    Beijinhos doces--> http://prazeresecarinhossexuais.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Já chega sim, mas somos uma sociedade hipócrita, que não respeita a diferença e quando temos no nosso núcleo duro amigos que ultrapassam a pseudo normalidade, somos olhadas de lado. Para mim é para o lado que durmo melhor. O meu melhor amigo é gay e depois? Eu sou hetero, e???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando vejo uma traidora julgar alguém à boca cheia, uma bem educada que só refere coisas uma vez, parecer um papagaio... Fico a adorar malta imperfeita e genuína.

      Eliminar
  3. Odeio! Tenho pavor á qualquer tipo de preconceito! A sociedade é podre!
    Beijos Pink

    sublimefemalededomfa.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Padre mesmo e mesquinha mas cheia de telhados de vidro!

      Eliminar
  4. Odeio! Tenho pavor á qualquer tipo de preconceito! A sociedade é podre!
    Beijos Pink

    sublimefemalededomfa.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  5. Foi no dia em que nasceste.... kkkkkkkk!!!
    Menininha... você continua de uma ironia fina.... bem portuguesa!!!
    Adoro você!!!!

    ResponderEliminar
  6. Nunca tive que dizer ao meu pai que gostava de homens. Só quando lhe disse que poderia estar grávida.

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.