quarta-feira, agosto 17, 2011

Diálogos

O meu dentista, é sem sombra de dúvidas, o meu grande amigalhaço, cá de cima... (Claro que tu, aí na Margem Sul, sabes que tu... és tu)
Hoje no consultório:
J: "Então e como anda o ....?"
Pink: "Ei! Então tu não sabes que isso já não...."
J: "Então?"
Pink: "... hum, hum, hum, saltar para as cuecas, ..."
J (muito sério): " A culpa é toda tua!"
Pink (muito ofendida): "MINHA!?"
J: "Usas cuecas, a culpa é de quem? Vá, abre a boca!

EU, NÃO PAREÇO, EU SOU.

2 comentários:

  1. Ahaha Esse teu dentista... sim senhor. Grande observação!
    Presa por ter cueca e por não ter.

    ResponderEliminar
  2. Bem! Se tiveres cuecas, sempre as podes tirar.
    Se não as tiveres... já não há nada a fazer. ;-)

    Beijo!

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.