quinta-feira, julho 28, 2016

Bom dia com Bolero

O que quero, quando eu quero, aceitas?

2 comentários:

  1. O Boléro de Ravel é algo sensacional....música perpétua!!!!!
    No filme "Les Uns et Les Autres" de Claude Lelouch, há disponível um extrato da dança do Jorge Donn... lindo!!!!
    Bela postagem.... com a ótima condução do André Rieu!!!

    ResponderEliminar
  2. conhecia a musica mas nunca a tinha ouvido toda assim... e gostei.

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.