terça-feira, novembro 23, 2010

Porque lá dentro todos sentimos

Não queiramos nós tapar o Sol com peneira. Tomos nós somos tudo. Mas uns dão mais nas vistas que outros. Quero dizer, sentimentos que mostram mais o carácter da pessoa. Eu, abomino o ciúme, as birras , o mexer no telemóvel...
Garantidamente no meu casamento nunca fiz isso, jamais. Cheguei a dizer ao meu marido para dormir na casa da melhor amiga dele por ser tarde e estar mais perto do trabalho.... Santa não sou, é verdade mas ciumenta muito menos. É um sentimento que implica terceiros, quartos, raiva, lágrimas e frustração... Mas é apenas um sentimento...



NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

2 comentários:

  1. Ponto 1: esta música é um clássico.
    Ponto 2: sinceramente não me vejo a aguentar uma vida rodeada de ciumes e ninharias.
    E não foi preciso chegar aos 30 para ver isso.

    ResponderEliminar
  2. És mais ou menos como eu. Detesto ciumes!
    Bjs da Raposa

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.