sábado, dezembro 19, 2015

Kelly Slater

Durante 10 anos, a equipa dele tentou criar a onda que criasse a relação perfeita "onda-homem". Como se Kelly não fosse já um estudioso de ventos e marés e soubesse exactamente como começa e como termina cada onda.  Admiro-o. 
Pela sua garra.
Por estar sempre na sua, roçando a arrogância
Pela sua beleza nos seus quase 50 anos
Por ser o melhor e querer ser sempre o melhor, não pelos outros, mas por si. Adoro-o.



Não sou superior, supero-me.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.