terça-feira, junho 07, 2016

Do BDSM e o que é violento

O BDSM, é praticado por muitos casais, ou singles , considerado um jogo para adultos, quem joga sabe o que está a fazer, consente e , acima de tudo, estabelece limites que não são ultrapassados. Quem é submissa confia em quem domina e quem domina tem a sabedoria de não ir mais além do que a submissão assim o permite.

Quando alguém levanta a bandeira da " Não à violência" quando se debate o BDSM, para mim, isso é treta. TRETA!

Como disse num blog em comentário: Violência, é teres que chamar as autoridades a tua casa porque foste espancada por um marido que supostamente te ama e te espancou num contexto não sexual. Aconteceu-me. Eu, e quem foi e ainda é vítima de violência doméstica , é que  tenho/temos essa legitimidade, aquela de abrir a boca e falar sobre violência como se fosse algo sexual.
Não consenti ser espancada e quando fui, tudo fiz para não voltar a ser e voltei a ter uma vida.

Sou o que quiseres... quando eu quiser.

19 comentários:

  1. Triste muito triste, pelo menos és forte e conseguiste que parasse... Mas ainda há quem se cale, infelismente :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mesmo assim, nada comparado à prática do BDSM...

      Eliminar
  2. Perfeito tua definição de BDSM e violência, adorei!

    http://poetisasensualeerotica.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelas tuas palavras, visita prometida. Um beijinho

      Eliminar
  3. Gostei de te ler. Basta saber distinguir o sentido da palavra "Violência"

    Gostei das tuas palavras, Pink Poison. Essa pratica de ( BDSM ) é de acordo com quem a pratica. E a Violência domestica é das coisas piores que existem. Mesmo sendo psicológica, por vezes ainda é pior.

    Esperamos-te.

    Beijoos
    Anjinha Sexy

    Delírios de Amor e Sexo


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada anjinha, infelizmente sei distinguir...

      Eliminar
  4. Peço perdão pelo lapso do linke.

    Estive arranjar o linke do blogue amigo Nuno a pedido de uma das administradoras, e em vez de apanhar o meu deixei o dele. desculpa.


    O meu: Prazeres e Carinhos Sexuais

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois foi mesmo no dele que eu disse isto... Comecei a ver tanta gente a dizer "não à violência" e revoltar-se. Lamento mas separar as águas é fundamental neste caso. Um dono não é violento.

      Eliminar
  5. Pink

    Imaginemos que, o homem, ao ser interrogado por quem de direito responde: Não eminência ou sôr guarda ou sôr...não houve violência nenhuma.

    O que aconteceu é que a minha mulher é uma fanática admiradora e seguidora da vertente sexual afecta ao BDSM.. assim, aquecemos os dois, eu de prazer gritava, e quanto mais ela gritava mais eu me excitava e lhe batia. Esse o resultado . Ela agora acusa-me quando foi ela que com os gritos de "excitação" me excitou os sentidos a mim

    E agora? Como resolver essa situação?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca devia acontecer, dado cabroes desses não merecem sexo, quanto mais elaborado.

      Eliminar
    2. Porquê que recorrem, as pessoas casadas, às acompanhantes e aos gigolos, bem giros e simpáticos...

      Eliminar
    3. Essa situação resolvê-lo com fotos das agressões, queixa e separação. O meu ex confessou na GNR, imagina.

      Eliminar
    4. Se o BDSM é desejo, fervor
      Então dizei-me com sedução
      Se gostas de palmadinhas de amor
      Queres com os lábios ou com a mão?
      ..

      Se calhar o teu ex era adepto da vertente mais viril do BDSM.. ( Estou a brincar contigo...Odeio violência sexual ou outra seja ela qual for...)

      Beijinho Pink

      Eliminar
    5. Aquele gajo na cama era uma enconadinho...

      Eliminar
  6. Concordo completamente com as tuas palavras. São realidades completamente distintas. Só lamento que tenhas sido vítima de um ser cobarde. Admiro -te muito! Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada esmy de um beijinho 💗

      Eliminar
  7. E fizeste tu muito bem, há que ter a coragem para dar o primeiro passo, pode custar, podemos ter medo, mas ficar e não fazer nada e continuar a ser espancada não é a solução!
    Beijinhos e parabéns, pela força!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agarrei-me ao pescoço dele e disse: Tu nunca mais me tocas... Quando o larguei, tinha feito um buraco com as unhas... ele não se queixou , sabia que merecia...

      Eliminar
  8. Menina linda e talentosa....
    Sofrida e forte... e corajosa, por tudo que tens dito por aqui!!!!!
    Um beijo desse brasileiro simples e humilde que te adora!!!

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.