quinta-feira, julho 09, 2015

Matei as saudades mas

Matei saudades do pai mas não se consegue respirar no Algarve... A minha santa terrinha está absurdamente quente, confusa e fez-me vir mais cedo para casa, menos 12 graus!!! O meu cão arfou a viagem toda!

Não sou superior, supero-me.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.