quarta-feira, janeiro 25, 2012

hummm, da minha fibra

Eu sou má? Sim, sou... Quando as pessoas fazem por isso, uma adulta, mãe de um puto com quem trabalhava, ficou admirada de eu ter dado um chuto no rabiosque empinado da criança, porque esta decidiu, debaixo do meu tecto, chamar nomes ao Pinko. O pinko, arranja jogos, vai buscar e levar quando eu não posso e todos o curtem...
A mãe, perguntou-me se era por isso que já não trabalharia com o puto mal educado.
Só!?
É pouco?
Tanto me azucrinou e tanto pedi para me deixar em paz que às tantas ameacei de que, ao próximo telefonema iria e passo a citar o meu sms" digo a todo o mundo que você anda a foder o treinador de futebol dos seus filhos há um ano e meio"...
Calou-se.
E eu tenho que descer a estes níveis para ter paz...


Não sou superior, supero-me.

5 comentários:

  1. Realmente... Há gente que precisa de ser posta no lugar como merece!

    ResponderEliminar
  2. espero que tenha pensado pois eu sou implacável com estas situações... beijoca

    ResponderEliminar
  3. Há vezes em que simplesmente a paciência se esgota. :)

    ResponderEliminar
  4. Porque será que se calou? ;)) Gosto disso! De ti :)

    ResponderEliminar
  5. Gajinha: porque começou a usar o tico e teco e eu nunca lhe perguntei nada nem éramos muito próximas, contou porque quis, só falei nisso, porque dei por mim, numa loja, onde está udo a 50%, a ver coisas com o Pinko e a ter que tirar o som ao telefone...

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.