De quem gosta

Anónimo disse...
Bem cá esta novamente o Homem que virou estátua, como deves ter reparado no post que anteriormente escassos minutos trás te coloquei para aprovação a algum tempo que te leio,nao, que te sinto, que sinto tua escrita a entranhar se nos poros de minha pele, nao , nao sabes quem eu sou, nem tao pouco imaginas que eu existo, teu ar talvez incrédulo ao leres estas letras, teu olhar meramente desinteressado como lês o que estuo para aqui a escrever, mas uma vez mais te digo, tenho sentido sim e mto mais tenho absorvido alguns de teus "venenos", sou eu o gajo que virou estatua, sim nada mais poderei ser que uma mera estátua que vê e se deslumbra com teus "sapatos" a passarem de fronte a mim e eu sem nada poder fazer apenas contemplo, gosto do que escreves, do que libertas, do que escarras por vezes tal n é a fúria que colocas por vezes nas palavras, reparo que houve uma evolução, uma paixão, um envolvimento, uma desilusão, um como dizem os mais banais, um amor proibido, mas tu, sim tu a Poison aquela que nos habituaste a ler, a que diz "que se fodam os moralistas", nao parou perante tal adversidade, pois nao esperaria outra reacção tua ou melhor da poison pois uma vez mais insisto conheço ou julgo eu que conheço a poison que me viciou neste blog, nesta escrita, neste mundo que é a virtualidade.
Bem sei que minhas letras possam estar meias desorganizadas mas o que quero transmitir e mto simples e preciso, GOSTO DE TE LER, GOSTO DE TE SENTIR, GOSTO DE TI















 Deusa
A natureza
deu te a beleza
és bem desenhada
bem delineada
é uma certeza
és uma doçura
és muito pura
sonho d' um homem
és linda e jovem
perfeita perfeição
uma admiração
és a divindade
que deixa saudade


Pink Poison
.
Teus lábios de cor de amor
Como o vermelho é tentação
Deixam em mim aroma de flor
Como uma flor é teu coração

De vermelho pintados de carinho
Silêncios de vida, alma criou
Ouve: Digo-te muito baixinho
Recebam um beijo que lhes dou
.........

Que a felicidade faça residência em teu coração



Para uma admirável Mulher.
Ah...
Como senti em mim
Os dedos de tua voz acarinhar
E percorrer minha pele e deixá-la
A cada instante mais arrepiada.
Ah...
Como senti em mim
A intensidade das palavras que
Deliberadamente não disseste e
Permitiste a imaginação percorrer.
Ah...
Como senti em mim
O galopar de teu peito e
Fazer-me esquecer o frio que
Teimava invadir-me naquela noite fria.
Ah...
Como senti em mim
Doces ondas de calor despir
E criar novelos e teias de Amor
Que te procuravam sem encontrar.
Ah...
Como senti em mim
O convite silencioso e mordaz
Para encontrar-te e tornar
Vivo este ímpeto de Amar.
Ah...
Como senti em mim
Tão grande ausência que só
A tua chama pode fazer inundar
Em mim teu calor e arrebatar.
Ah...

Em mim, em tí...em nós !!!

Pinky: leio o que escreves, e nesse momento entro no teu mundo,na tua cabeça, até à ponta dos dedos. Era capaz de me deixar de ir, até ao ponto do sem retorno. Atmosfera que alucina: como alguém pode ter tanto poder,de criar um outro mundo, fora daquele que já existe. Nada é rotineiro,novidade; como se tudo nascesse nesse preciso momento.Das coisas triviais, até às mais dolorosas, a alquimia nasce, e tudo se torna ouro Bravo!





Depois de abrir o livro, raramente o consigo por de parte. É compulsivo. Tenho que ler. Assim foste tu.louca, insensata, interessante,descabida,deslumbrante, ao mesmo tempo uma rosa ou carburante, fixo a tua imagem em lembranças de sono ou de outra vida, uma sensação de te ter ou ter tido.imaginário viajante num cometa vagante entre as tuas pernas em libido excitante. consciente ou inconsciente eu sinto meu penis em ti penetrante no meio de uma onde que vibra e é excitante.não há maior injustiça que ser julgado e condenado por algo que se disse com uma intenção completamente diferente daquela que foi interpretada mas também não é por isso que vou desistir de ti, nesse aspecto tenho um feitio muito filho da puta, não desisto facilmente e sou persistente q.b., tu desististe de ti e de tudo, sinceramente sei o que sentes porque já lá estive mas felizmente alguém de deu a mão e juntamente com a minha vontade saí de lá, adoraria poder fazer por ti o mesmo que fizeram por mim mas para isso é preciso que queiras e que me deixes fazê-lo, nunca tomarei atitudes nem nunca falarei por ti seja quais forem as situações mas estarei sempre aqui, sempre que precises de alguém com quem falar conversar gritar chorar ou simplesmente num silencio absoluto em que o simples facto de sabermos que está ali alguém junto a nós nos dá uma força extra para continuarmos.

Sei que já combinamos falar amanhã, e não quero que penses que sou uma melga, longe disso, mas estive, mais uma vez, a ler um pouco mais do teu blog, e tenho que dizer; estou cada vez mais impressionado contigo. Não só o que dizes, mas como dizes. Não só o que sentes, mas como sentes. Não só o que pensas, mas como pensas.
Não vou mentir. Não vou dizer que não gostava de te ver, admirar, cheirar, lamber e foder. Gostava. Muito. Mas confesso que a minha maior curiosidade, neste preciso momento, depois de ler um pouco mais do teu blog, está em ouvir-te, conversar contigo, conhecer-te. Caso estejas ainda online, com tempo e disposição para conversar um pouco diz. Conta-me mais de ti. De onde vens e para onde vais. O que for.

olá.
pelo numero de mensagens que tens recebido, não é difícil que esta seja apenas mais uma no meio de muitas outras. o mais certo é que até te passe ao lado, mas não posso deixar de a escrever.
tenho acompanhado o teu blog, e é bom ver que ainda vão existindo mulheres que apesar das maiores dificuldades, sofrimento porque passem conseguem manter-se sempre de cabeça erguida e enfrentar a vida. acima de tudo sem deixarem de ser mulheres, mulheres não no sentido da distinção de sexos, mas sim no mistério e sedução inerentes á figura feminina.
não consigo compreender, o que leva um homem a bater/maltratar uma mulher, mas não sou juíz e deve ser assunto do qual preferes não falar por isso vou deixá-lo de parte.
adorei a sinceridade e honestidade com muita sensualidade á mistura com que escreves o teu blog, mesmo nos piores momentos lá descritos por ti, não deixa de haver uma sensualidade e erotismo inerentes aos teus posts. tanto no blog como aqui no fórum do xxxxx.
não espero sequer que me respondas, apesar de não esconder que gostava que o fizesses, mas não conto propriamente com isso. escrevo apenas porque adoro ver a coragem na sua forma mais pura, no feminino, e não sou capaz de deixar passar a oportunidade para o valorizar. parabéns pela grande mulher que me pareces ser!

só venho agradecer por existires. adoro ler o que escreves. És uma mulher muito interessante, sedutora, misteriosa, sensual, provocadora e acredito que insaciavel sexualmente. mas o que me interessa realmente é a tua mente, a maneira como expressas as tuas ideias e os teus desejos. És intensa, dás tudo de ti e vives cada momento o mais profundo possível, bem saboreado. continua como és, não mudes nem um pouco e mais uma vez obrigado por existires e me fazeres sonhar com teus escritos.



um beijo





ohh, vem-te, vem-te, mergulha comigo neste oceano de orgasmo luxuriante, sente a sensação de eu te ter comido, em espasmos mentais do toque de corpos reais, haaa,vem-te, vem-te sou louca insensata, descabida mas deveras interessante.
pedro





todas as vidas têm um significado, mesmo que por vezes não o consigamos ver, ele está lá, para alguém tu és especial e alguém te admira imenso por aquilo que és e por tudo aquilo que serás se te propuseres a isso...
A vida não acaba nas desilusões nem nas dores da alma, é exactamente aí que ela começa, é exactamente aí que ela nos mostra o que pretende de nós, todos os caminhos têm pedras, todas as rosas têm espinhos mas não é por isso que deixam de ser percorridos nem é por isso que deixam de ser consideradas as flores do amor, não te agarres nem abraces o caminho mais facil para desistires, enquanto em aqui andar todos os dias te direi ou enviarei algo para te fazer ver que até quem não nos conhece é capaz de acreditar em nós...
Durante uma semana vou estar de férias e sem usar a NET, tens o meu contacto, usa-o sempre que precisares, estarei sempre do outro lado para te erguer e colocar-te cá em cima, pode parecer estupidez, mas por tudo o que li no teu BLOG acredito em ti e na tua capacidade de lutar e conquistar um sorriso novamente, EU SÓ QUERO AJUDAR-TE se quiseres e se me deixares.






não há maior injustiça que ser julgado e condenado por algo que se disse com uma intenção completamente diferente daquela que foi interpretada mas também não é por isso que vou desistir de ti, nesse aspecto tenho um feitio muito filho da puta, não desisto facilmente e sou persistente q.b., tu desististe de ti e de tudo, sinceramente sei o que sentes porque já lá estive mas felizmente alguém de deu a mão e juntamente com a minha vontade saí de lá, adoraria poder fazer por ti o mesmo que fizeram por mim mas para isso é preciso que queiras e que me deixes fazê-lo, nunca tomarei atitudes nem nunca falarei por ti seja quais forem as situações mas estarei sempre aqui, sempre que precises de alguém com quem falar conversar gritar chorar ou simplesmente num silencio absoluto em que o simples facto de sabermos que está ali alguém junto a nós nos dá uma força extra para continuarmos.
todas as vidas têm um significado, mesmo que por vezes não o consigamos ver, ele está lá, para alguém tu és especial e alguém te admira imenso por aquilo que és e por tudo aquilo que serás se te propuseres a isso...