segunda-feira, fevereiro 13, 2017

Dia dos namorados, say what?

Este fim de semana tantos peluches devem ter saído da prateleira de lojas, flores com entrega no local de trabalho, confesso já fiz isso mas namorava à distância, jantares...

Mas só amamos alguém neste dia? Não serão os pequenos presentes por vezes mais bem vindos sem contexto de calendário?

Poupem, juntos, façam uma viagem juntos, conheçam outras coisas mas  quando quiserem não porque é dia de S. Valentim.




Sou uma força da natureza, não tentes destruir - me...

1 comentário:

  1. estou completamente de acordo contigo..
    esta data cada vez é mais comercial (até ja enerva)...
    bjos

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.