segunda-feira, janeiro 02, 2017

Pessoas com muros e máscaras

Depois aprofundo pois agora não tenho tempo mas se és mau observador e mau leitor entrelinhas, os que se dizem impenetráveis, deixam pistas.
Aprende a observar. Tenho uma hater que tirou o curso disso, eu sou assim desde miúda, mas prefiro calar-me em relação a ela .
Além disso, sempre achei que, quem cria esse tipo de defesa, acha-se merecedor da infelicidade, tristeza e solidão. Discordo.

Se reparem na forma como alguém olha nos olhos, pega num talher ou se se senta à ponta da cadeira ou se recostam confortavelmente, o modo como actuam num bar, confeitaria ou loja sozinhas diz muito acerca das pessoas.
Eu até o tapete de entrada acho que nos diz algo não sei explicar...
Não existem muros à volta das pessoas, existem apenas maus observadores daquilo que pode derrubar um medo/trauma.



Sou uma força da natureza, não tentes destruir - me...

2 comentários:

  1. Começas bem o ano! Não dês importância a coisas que não valem a pena.

    Beijo e um 2017 com sucesso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não foi direccionado a ninguém, lembrei-me. Beijinhos 💗

      Eliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.