quarta-feira, maio 20, 2015

E quando é que a coisa vai mal?

Quando vais ter com uma pessoa, a levar com sol agradável (e uma ventania do catano) e ela diz-te umas 10 vezes que eu não pareço nada bem, que , "sei lá" estou com má cara. Sou muito transparente, está visto.

Não sou superior, supero-me.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.