sábado, abril 07, 2012

Alto lá e aprender

Nunca uma semana de suposto descanso cá em baixo me ensinou tanto... A minha mãe está a sofrer na pele aquilo que ela já me fez e ontem, numa pastelaria, não conseguia conter o choro, o meu pai continua com a sua força e os seus 60 anos em grande, grande amigo, solidário e grande pessoa. O pinko, grande namorado, que não descansou nada numa semana em que eu não durmo e quero conversar com ele, o pinko ama-me e não me compreende mas aceita-me...
O monte cá de baixo, está cada vez mais giro... A inquilina do meu pai, passa de uma simples parede para exigir que o meu pai construa uma lareira na casa... Isso é que era bom...
Tive uma grande conversa com um muçulmano de religião e a frase que ele disse que mais me marcou foi: "Se eu tiver um cinto com uma bomba à cintura, posso ser católico, muçulmano, ateu, protestante...serei um monstro... "
Conto o resto quando voltar, com fotos...

Não sou superior, supero-me.

4 comentários:

  1. Grande frase! Sem dúvida! :)

    ResponderEliminar
  2. Concordo com a Gaja: GRande frase!

    E tu, relaxa um pouquinho! Só assim consegues carregar e vencer os desafios. Encara um por um e não vejas tudo o que está pela frente, memso que tenhas de resolver em simultâneo.

    Beijo
    (e ao Pinko tb, que é um moço fixe)

    ResponderEliminar
  3. Beijos às duas e sim esta frase é muito boa e sábia, qualquer um pode ser um monstro...

    ResponderEliminar
  4. Pusinko, thanks pelo kiss :)
    Retribuo em dobro ;)

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.