segunda-feira, outubro 17, 2011

Como rebentar com uma virilha em 2 segundos

Entras na farmácia, és o n.º 75 e o 64 está a ser calmamente atendido.
Esperas e começas a suar, o que indica que o "mister red" anda perto. És atendida, perguntas a se a unha, ou ausência, está com bom aspecto... Sim está.
Sais da farmácia a guardar notas na carteira e moedas da carteira de moedas e PUM!
A tua virilha esquerda, choca com aqueles pilares de ferro para evitar que os carros entrem farmácia adentro... O meu corpo gelou, coxeei até ao carro, onde chorei com as dores, EH PÁ QUE PUTAS DE DORES HORRÍVEIS... Tinha um compromisso profissional e depois de muito esforço para conduzir até lá, recebo um sms, a adiar... Vim para casa, a suar mais, branca e DORES, MUITAS DORES, despi-me toda, abri as pernas e gelo na virilha... Estou melhor mas manca... Irra!


Não sou superior, supero-me.

9 comentários:

  1. há dias em que mais vale não sair de casa,,,
    as melhoras,,,
    ;)

    ResponderEliminar
  2. Espero que esta segunda-feira melhore, pá! Fica em casa descansando a batida, se puderes!

    Boa semana,
    Beijo peganhento ;)

    ResponderEliminar
  3. Vale a pena, pois eu sei que nunca mais bato naquela coisa! Beijoca

    ResponderEliminar
  4. Pat, já aderiste ao beijo peganhento? LOL, Beijoca

    ResponderEliminar
  5. Porra. Até a mim doeu!

    As melhoras Pink!

    Beijo
    Pukas

    ResponderEliminar
  6. Bem, agora tenho a virilha e metade "do triângulo da bermudas" negro, preto mesmo... E as dores, ai meu s Deus que só consigo andar de perna aberta...

    ResponderEliminar
  7. E como é que foste contra essa coisa das grades, humm?

    ResponderEliminar
  8. lynce (ibérico) a olhar para tudo menos o que devia...

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.