terça-feira, julho 26, 2011

Queres?

Quando ela abriu os olhos, ele tinha a sua mão na sua face... E perguntou:
"Queres continuar ou preferes fechar os olhos para sempre?
Ela fechou os olhos e ele afastou-se e naquele momento o seu pensar foi: " O que quer que seja que complique, eu estou fora"
Ela, de olhos fechados, sentiu a irresponsabilidade dele, e perante tamanha crueldade, fechou os olhos para sempre.
(Eu estou estou vestida e calçada de tristeza, andei com a lágrima no olho todo o dia, cheguei a casa e foi o pranto, a sorte é que, quando o circo muda de cidade, os palhaços tristes também vão)


EU, NÃO PAREÇO, EU SOU.

6 comentários:

  1. Isto hoje está mau... Muito mau!

    ResponderEliminar
  2. Deixa lá, faço-te companhia!
    Se calhar é algum virus!

    Deixo um sorriso

    ResponderEliminar
  3. Obrigada Sus, pelo sorriso, obrigada a todos... Beijos grandes a todos.

    ResponderEliminar

Odeio as almas estreitas, sem bálsamo e sem veneno, feitas sem nada de bondade e sem nada de maldade. Nietzsche
Debita aqui algum bálsamo.