quarta-feira, junho 30, 2010

Viva eu! (imagem minha)

Não permito partilhas em outros blogs ou redes sociais

É feita uma descoberta. A descoberta que a felicidade está no estado de espírito e não na conta bancária. Se existem rituais aos quais temos que nos cingir, eu diminuo essa lista cada vez mais. Caracterizam o meu blog como isto ou aquilo, como um bom blog... Esquecem-se que escrevo para mim, sempre com um olho no Monte Olimpo e outro em quem me observa, seja quem for... Não me aborrece, que falem, que elogiem, que eu seja isto ou  aquilo, sou o que sou. Fico tatuada nas pessoas, por um motivo ou por outro, tenho valentes motivos para dizer "Ai que sou uma desgraçada" mas tenho outros bem bons para ser uma lutadora, uma vencedora, uma amante, uma amiga, uma chefe e sou, sei que sou, apenas eu, uma "tipa" com as capacidades que quer, com a elasticidae que quer, EU SOU. E como diria o meu fiel comentador e amigo virtual, Luís Alves, quando descobriu o meu blog: "Esta gaja ou pensa o que vomita ou vomita o que pensa" mas depressa percebeu que este blog, sou eu, a minha vida, as minhas experiências, as minhas paixões, em forma de palavras ou fotografia, eu gosto de mim. Amo-me, sem superar ninguém, tento superar-me e, sem dar por ela, consigo. Viva eu!

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

terça-feira, junho 29, 2010

Só uma opinião


Estamos limitados a ilimitarmo-nos.
Na roupa, com 34 anos, posso dizer que já desenterrei peças que nunca mais pensei usar. Na música, é a versão isto e aquilo da canção original... E nós? os seres humanos, (sim, porque os que são pessoas e não são humanos, não contam) continuam a dramatizar, sendo eu uma grande dramalhona, estamos em crise económica. Os nossos valores podem continuar cá dentro, o nosso coração pode ter espaço para mais e mais pessoas e podemos sempre ser honestos, a começar com a nossa pessoa. Poucas pessoas têm noção do que é respeitar-se a si próprio, nunca pensaram nisso, pensam apenas que tal pessoa é má, rude, isto e aquilo... Será que essa pessoa não pensará o mesmo de nós? 
Se chamamos mentiroso a alguém, não deverámos avaliar o que essa pessoa ganharia ocm mentiras? Podemos não ter dinheiro e sermos dignos, não julgar, tentar acreditar que o outro é bom ou mau mas com fundamentos, digo eu. Bem sabemos que quem nos desilude, achamos que não merece as nossas lágrimas, mas que culpa temos de sofrer e ter sentimentos? Que culpa temos de sermos gente? Se há um termo que detesto é o "tens que...", eu não tenho que, NADA! Quando se supera, supera-se mas só nessa altura se vê, se sente, se sorri, para quê continuar a achar que" Ah, aquilo não é nada... Aquilo passa-lhe...", Recuso-me a ouvir isto.
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

segunda-feira, junho 28, 2010

Esta é uma DAS músicas

Acabei de a mandar em forma de abraço a quem está a precisar... Acho-a linda...



NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

domingo, junho 27, 2010

Tal como no filme


"A coisa mais injusta sobre a vida é a maneira

como ela termina. Eu acho que o verdadeiro
ciclo da vida está todo de trás para a frente.
Nós deveríamos morrer primeiro e nos livrar
logo disso. Daí viver num asilo,até ser
chutado para fora de lá por estar muito novo.
Ganhar um relógio de ouro e ir trabalhar.
Então você trabalha 40 anos até ficar novo
o bastante para poder aproveitar sua
aposentadoria. Aí você curte tudo, bebe
bastante álcool, faz festas e se prepara
para a faculdade. Você vai para o colégio, tem
várias namoradas, vira criança, não tem nenhuma
responsabilidade, se torna um bebezinho de colo,
volta para o útero da mãe, passa seus últimos nove
meses de vida flutuando...

E termina tudo com um óptimo orgasmo!!!


Não seria perfeito?"


Charles Chaplin
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

sábado, junho 26, 2010

Ninguém avança pela vida em linha recta



Ninguém avança pela vida em linha recta.
Por vezes, saímos dos trilhos.
Por vezes, perdemo-nos, ou levantamos voo e desaparecemos como pó.
As viagens mais incríveis fazem-se às vezes sem se sair do mesmo lugar.
No espaço de alguns minutos, certos indivíduos vivem aquilo que um mortal comum levaria toda a sua vida a viver.
Alguns gastam um sem número de vidas no decurso da sua estadia cá em baixo.
Alguns crescem como cogumelos, enquanto outros ficam inelutávelmente para trás, atolados no caminho.
Aquilo que, momento a momento, se passa na vida de um homem é para sempre insondável.
É absolutamente impossível que alguém conte a história toda, por muito limitado que seja o fragmento da nossa vida que decidamos tratar.



(Henry Miller)
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

quinta-feira, junho 24, 2010

Cedo demais


Saíste cedo demais. O Sol não tinha aparecido.
De lábios trémulos, de peito apertado vejo-te a partir, ficando partida.
Olhos molhados e almofada molhada supero o sufoco lendo o que te recorda
Sem nada mais para pensar, penso no que irá acontecer, no que se vai passar e que nunca perdi aquilo que me guia que são os meus valores.
Certos ou errados, são os meus valores. Foram os que permitiram isto. Isto ou nada. Nada além de uma fantasia branqueada por uma necessidade de ilusão, não minha mas sim tua e sempre tua. Ou será nunca tua? Saberás quem és? Saberás o que vai ser agora a tua vida? Não. Creio que não sabes, creio que cada década da tua vida nada te ensinou além da profissão e de seguir as regras. Segui-las, acima de tudo e todos, humilhar quem quer que seja, implicar tudo e todos...
Nasce de novo, aprende a ser, a realidade ainda te espera.
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

quarta-feira, junho 23, 2010

A Génios vazios

"... embora todos nasçamos com uma caixa de fósforos no nosso interior, não os podemos acender sozinhos, precisamos, como na experiência, de oxigénio e da ajuda de uma vela. Só que neste caso o oxigénio tem de vir, por exemplo, do hálito da pessoa amada; a vela pode ser qualquer tipo de alimento, música, carícia, palavra de som que faça disparar o detonador e assim acender um dos fósforos. Por momentos sentir-nos-emos deslumbrados por uma intensa emoção. Dar-se-á no nosso interior agradável calor que irá desaparecendo pouco a pouco conforme passa o tempo, até vir nova explosão que o reavive. Cada pessoa tem de descobrir quais são os seus detonadores para poder viver, pois a combustão que se dá quando um deles se acende é que alimenta a alma de energia. (...) Se uma pessoa não descobre a tempo quais são os seus próprios detonadores, a caixa de fósforos fica húmida e já nunca poderemos acender um único fósforo."




in, Como água para o chocolate

Laura EsquívelNÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Quando há

... mágoas, as lágrimas gelam numa espiral... das 12 às 19H

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

terça-feira, junho 22, 2010

Santuário de Fátima a maltratar animais?

O ESCÂNDALO do Santuário de Fátima em relação ao abate de animais é conhecido de muitos, mas ninguém ainda conseguiu parar esta crueldade.

"As ordens partem da Reitoria do Santuário, para que todos os cães que aparecem por Fátima, quer sejam adultos ou cachorros, quer tenham donos ou não, são capturados pelos seguranças e colocados na caixa que apresentamos em foto.
Esta caixa está mesmo nas traseiras do santuário, no local das oficinas. Ali ficam os cães durante algumas semanas, ao frio e à chuva de Inverno, à chapa do sol, no Verão. Sem direito a comida ou água, num espaço mínimo onde a maioria nem se consegue colocar de pé…
Existem alguns seguranças que não levam os cães capturados para este local, conseguem levar alguns para casa e adoptam-nos ou arranjam donos entre os seus vizinhos ou colegas de trabalho. Boa gente esta que sofre em ver os animais assim tratados, mas que se sente impotente com a ameaça de perderem os seus empregos. Mas existem também dois seguranças, que violentam cruelmente os cães, com foices de podar oliveiras, dando com elas nas pernas dos cães que ficam em carne viva, a sangrar e com grandes cortes extremamente dolorosos e muitas vezes as pernas partidas. Esses cães são posteriormente levados, para esta caixa, permanecendo até que a carrinha da Câmara de Ourem tenha tempo para os vir buscar. Lá, são colocados, já muito debilitados, para abate, e são-no todos num prazo de poucos dias.
Quem nos informou, disse-nos também, que os cães que lá estão, vivem os poucos dias que lhes resta em condições extremamente miseráveis. A Câmara Municipal de Ourém tem prometida (há demasiado tempo) a construção de um canil para recolher animais abandonados e o não abate de animais, mas como não existe interesse da Câmara nem pressão suficiente pela parte de quem abomina esta situação, para a construção do dito canil de protecção de animais perto de Fátima, vai adiando e esquecendo esta promessa e vai gastando a verba que já tinha disponível para esta construção em outras obras que lhes dão mais votos aquando das autárquicas.
A FAA soube também que existe um engenheiro que reporta directamente à reitoria do santuário, que deixa veneno (de acção ultra rápida) para matar alguns cães mais difíceis de apanhar...
Não conseguimos ter acesso ao seu nome, mas sabemos que existe apenas um engenheiro com funções ligadas à área verde que circunda o santuário.Mais grave a situação se torna de algum tempo para cá, que os cães depois de serem colocados na caixa, desaparecem antes que a carrinha da Câmara os venha buscar, ou tenha conhecimento que eles lá estão. Pensamos que são abatidos por alguns trabalhadores do santuário, porque os cães ladram á noite e podem incomodar os turistas, ou podem levantar suspeitas de maus tratos contra os animais perpetrados num local “sagrado”.Não sabemos quantos animais foram mortos com a chegada do 13 de Maio e com a vinda do actual representante da Igreja Católica a Fátima, mas acreditamos que quem lá for, não vê nenhum cão, porque as ruas foram limpas, tal como é sempre feito com uma regularidade impressionante.

Esta é uma situação abominável, pela parte de quem se diz representante de Deus, não é compreensível tamanha crueldade num espaço que querem fazer sagrado e que eles próprios profanam e o sujam de morte e sangue. Deixamos aqui o contacto do Santuário, para quem quiser mostrar a sua indignação perante esta monstruosa atitude."


fonte: Tribuna Animal

Peçam para encaminhar a vossa chamada para a reitoria:

249 539 600

Deixamos também os contactos de email:

http://www.santuario-fatima.pt/portal/index.php?id=2891NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

segunda-feira, junho 21, 2010

A minha gata, é... diferente!!!

A minha gata, acha que dormir em cima da parte de trás da televisão, "afocinhada" lá, é confortável...
Quem sou eu para julgar a bichana...

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Pá, e depois?

Em conversa com 2 colegas, disse que era boa dona de casa... a limpar e arrumar mas que não sabia:
  • Costurar
  • Não sou grande espada a passar a ferro
  • Não sei elaborar um jantar de Natal
Ficaram em choque, mas agora temos que saber fazer tudo é?

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Composição do João (6º ano) - Uma obra prima! (verídica)

AS RÃS Eu gosto muito de rãs. As rãs arrotam a noite toda. As rãs são mais pequenas que as vacas e mais grandes que um pintelho. As rãs não têm pintelhos.
As rãs põem ovos pela paxaxa que depois dão rãzinhas pequenas. Se as rãs tivessem pintelhos na paxaxa arranhavam os ovinhos que são muito pequenininhos e as rãzinhas que estão lá dentro iam morrer porque entrava água pelas arranhadelas e elas morriam afogadas e porque quando são pequenas não têm patas e não sabem nadar.
Eu também ainda não tenho pintelhos mas já sei nadar. Também ainda não tenho paxaxa mas um dia vou ter muitas.
As rãs são as mulheres dos sapos.
Os sapos não têm unhas por isso não podem coçar os tomates. É por isso que eles andam com as pernas abertas a arrastar os tomates que é para os coçar.
E quando se picam nos tomates os sapos dão saltos.
As rãs também dão muitos saltos, por isso têm a paxaxa sempre aos saltos.
Eu gosto muito de rãs. E gosto muito de sapos.






João, 6º ano



NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

domingo, junho 20, 2010

Hoje recebi isto:


só te quero dizer isto:
admiro te,
o que escreves, o q absorvi de ti, o q conheci, a imagem q criei, as fotografias c q me alucinei
adorei, parabens.
continua fiel a ti


Sabe bem, umas coisitas assim...
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

sábado, junho 19, 2010

Yes I Do

Sim: Existo Dentro do Meu Corpo

Sim: existo dentro do meu corpo.
Não trago o sol nem a lua na algibeira.
Não quero conquistar mundos porque dormi mal,
Nem almoçar a terra por causa do estômago.
Indiferente?
Não: natural da terra, que se der um salto, está em falso,
Um momento no ar que não é para nós,
E só contente quando os pés lhe batem outra vez na terra,
Traz! na realidade que não falta!



Alberto Caeiro, in "Poemas Inconjuntos"

Heterónimo de Fernando Pessoa
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Demasiada Loucura é o Mais Divino Juízo

Demasiada Loucura é o mais divino Juízo - Para um Olhar criterioso -
Demasiado Juízo - a mais severa Loucura -
É a Maioria que
Nisto, como em Tudo, prevalece
Consente  e és são -
Objecta - és perigoso de imediato -
E acorrentado -

Emily Dickinson, in "Poemas e Cartas"

Tradução de Nuno Júdice
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

I rest my case

Os poços não têm escadas, quem lá cai sai pela sua força e de mãos arranhadas mas sai com a sua força, a sua mente. I rest my case

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Alguém?

Alguém ensina o capitão da selecção, a cantar o Hino Português? Fica muito mal, os luso brasileiros saberem o hino e ele que é tão bom, tão rico, tão excelente, tão o primeiro, não canta o hino do seu país? aliás, ele sabe dizer o nome todo (refiro-me a CR7)
Figo, Figo, Ó figooooooooooooooooooooooooo
Ensina-lhe....

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Black Edition

"O quaro estava escuro mas o dia ia longo... Os objectos que me rodeavam e que usava todos os dias, estavam com pó. Os lençóis cheiravam a mim, que nem a minha higiene mais básica fazia. Vivia a doença, sentia-a em todas as minhas entranhas. Os barulhos vindos da rua, ofereciam-me a sabedoria dos outros, os seus hábitos, as suas cores que adivinhava, levantava-me e bebia sumo do pacote, voltava e dormia... como Pessoa recusava sentir e por isso dormia..."
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

quinta-feira, junho 17, 2010

Toca-me

Toca-me na alma e serei tua, até lá, sou do mundo.



NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

want

Querer não é poder, querer é desejar, é sentir, é fazer amor com os olhos , é amar sem existir uma razão, amar, amar, amar! Se não temos dinheiro, temos os sentimentos!
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

quarta-feira, junho 16, 2010

Desafio

Deste blog, http://roupapratica.blogspot.com/, veio o desafio de textualizar 6 tontarias que mais goste e depois terei que nomear outros 6 blogues para darem continuidade:
  1. Pôr queijo em cima de tudo o que como
  2. Sreet Racing
  3. Gosto de estar à entrada de bares, só para analisar chegadas e partidas
  4. Gosto de esperar: deixa-me reflectir
  5. Ando sempre munida com um kit "se-dormir-fora"
  6. Tenho soutiens para usar no dia a dia e em casa
Passo isto aos seguintes blogs:
Beijos





NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Música and I AM

Vou jogar ao quarto escuro com a vida. Vou voltar. Vou jogar e ganhar. Sou uma gota de suor. Sou um bocado de terra que cai entre os dedos, sou uma laranja na árvore, sou gente, sou alma, sou essência. Sou choro, sou uma chama, uma vela, um fumo, um cheiro...


NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Ameaçada

Recebi um mail cheio de injúrias e no final uma ameaça!
Esta pessoa já me havia enviado sms e quando ligo, diz que não sabe de nada.
O e-mail é: dr.jvlius.no@gmail.com
Como não confirmo as chamadas e mensagens, deixo aqui a ultima linha do mail:

Se te atreves a ser impertinente, lembra-te que, Mafra fica tão perto como Santarém ou Évora.
J.N.

Portanto, se ficar dois dias sem aqui vir, contactem, por favor, autoridades

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

terça-feira, junho 15, 2010

VOU

Partir loiça
Deixar torneiras abertas
Vou bater em pontas de facas
Vou acelerar um porsche em curvas perigosas
Vou bater em que me disser bom dia
Vou mandar as ondas à merda e mergulhar
Bato portas, afio garras, vou comprar tinta e encher a banheira de tinta, vou pintar-me, mascarar-me, vou abraçar o limpinho e lavar o sujinho...
Vou mandar o Sócrates levantar-se ou senão empurro-o, dispo a blusa em plena A.R. e mostrar ao mundo duas boas razões para se calarem...
Vou perguntar aos berros a cientistas e investigadores onde andam os estudos sociológicos nas suas conclusões, nas suas equipas, vou dizer que sei, o que sei, vou rebentar a bolha...


NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

segunda-feira, junho 14, 2010

Sou eu a PATENTE

Eu quero ir a uma dimensão diferente.
Queria entender algumas coisas e saber explicar melhor outras. Percebi que, nem só no amor, existem problemas de diálogo entre pessoas com 10/15 anos de diferença de idades. Percebi que não se é bom porque se descobre algo e se regista a patente; isso é resultado de trabalho. Descobri que sou uma patente e que os meus pais a registaram. Não me acho única mas acham-me única. Dou a informação pelo preço que a compro. (imagem minha)

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Agradeço

As pessoas a que recentemente me liguei virtualmente, os sábios conselhos que me têem dado. Um beijo a vocês sabem quem.
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Indevassável


A nossa personalidade deve ser indevassável, mesmo por nós próprios: daí o nosso dever de sonharmos sempre, e incluirmo-nos nos nossos sonhos, para que nos não seja possível ter opiniões a nosso respeito.

E especialmente devemos evitar a invasão da nossa personalidade pelos outros. Todo o interesse alheio por nós é uma indelicadez ímpar. O que desloca a vulgar saudação - como está? - de ser uma indesculpável grosseria é o ser ela em geral absolutamente oca e insincera.



Fernando Pessoa, in 'Livro do Desassossego'
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

domingo, junho 13, 2010

A vida


A vida é um corte... Uma ferida que todos vão mexendo para nunca se fechar...
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

sábado, junho 12, 2010

Genialmente Inolvidável


TU!
Nunca te vais esquecer de mim.
Do meu cheiro. Dos pormenores. Do meu lado selvagem que te guiava ao teu lado selvagem.
Tu nunca vais esquecer a hora do correio ser entregue. Da minha pele. Da ansiedade de uma vez que não acontecera e já haviam planos para a segunda e a terceira e a quarta... TU, deitaste abaixo todas as tuas defesas ao meu lado. TU, tens razão, ninguém te dará, nunca mais, o que eu te dei, como dei, a forma como fazia as coisas, a forma como te dava o braço, o mudar de uma lâmpada na minha cozinha... DE comeres os meus crepes com morangos! De morangos, sempre que os comeres, sou EU quem vai estar na tua mente!
TU, podes fazer e acontecer mas eu estou para sempre marcada em ti e nada nem ninguém te fará sentir o que eu fiz. Porque eu para TI, sou, fui e serei sempre única. TU comigo dormias, viciaste-te em determinado restaurante...  Não imaginavas haver alguém como eu.
CONFESSA!

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Se alguém tiver um velho que não usa

Estou com falta de um aspirador e o orçamento, de momento, não permite, alguém tem um velhinho?

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Irritante

Saborosamente irritante

http://www.irritante.pt/

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Coma &friends

Sempre me identifiquei com o Axl. As mesmas pancadas, o talento por explorar, dizer o que quer, aparecer como lhe apetece.
A minha maior frustração, ou uma das, é não ver a formação original dos Guns original: Axl, Steve, slash, Duff e Izzy.
Sei as músicas todas e esta, bem esta faz-me lembrar que existiu violência na minha vida, que há um mundo cheio de esterótipos de merda, que os médicos nem sempre salvam a vida e que nem sempre os amigos estão lá. Ou nunca. Que existem pedidos deseperados para nos entenderem... ou aceitarem... Pensem nisso




NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Desafio amigo

O desafio deste selo é:
1) Ostentar orgulhosamente o selo, afirmando que o fazem porque são super especiais.


2) Confessar uma verdade que não tenham feito a ninguém! (jogo com as mentes, às vezes mal intencionada)

3) Oferecer o selo a alguns blogs que achem dignos, isto é, que sejam verdadeiros. Que tenham carácter, profundidade de alma, ok?

Ofereço a todos os que sigo!!!

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Dormir?

Cheguei a casa e parecia drogada... Dormi das 19:30 às 08:40...
Estou como nova, estou pronta para falar e ser ouvida e para daqui a 48 horas me sentir vitoriosa!


NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

quinta-feira, junho 10, 2010

Ondas e Maresia

Hoje a chuva falou comigo.
Disse-me, cada gota, que eu era outra. Outra personagem, que estava a cruzar outros caminhos. Nem bons nem maus apenas que o monte Olimpo continua com a cadeira cor-de-rosa está à minha espera.
Antes.
Depois.
Diferente.
Sem graça.
Com a graça que se quiser dar.
Dar.
Entrega.
De umas flores
De um beijo
De um relatório
De que importa tudo isso quando estamos em frente a uma praia com ondas enormes e que nos manda para a cara a maresia, misto de frio e bem -estar.
Hoje abri os braços a uma praia assim. Basta um fechar de olhos e sentes-te a levitar. Hoje, por uns segundos, escondi-me um pouco...
Serena.
Composta.
Renovada.
Cansada.
Amor.
Levita.
Gravita.
pega numa migalha de amor e transforma-a num pão.


NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

domingo, junho 06, 2010

Mundial

Tá giro, mesmo muito. As malditas vuvuzelas em África têm as cores da nossa bandeira e em Portugal são vendidas na cor que conhecem. Eu sou de Portugal ou o meu país chama-se Galp?
Tristeza! Vendidos do caneco.
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Desafio a quem ler

Perdem a calma, perdem o emprego, têm problemas de saúde, ficaram sem casa, o carro e comem na sopa dos pobres... A quem eram capazes de apontar uma arma ainda que nunca disparassem?
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

A única

Para mim, esta será sempre a nossa selecção... Fernando Couto, Figo... Estrelas...
O Euro 2004 (esta imagem é mais antiga) marcou-me. Trabalha num bar e em dia de jogo era a loucura... E o Abel Xavier, aquilo foi a bola na mão e não mão na bola.
Cristiano Ronaldo, quer ganhar tudo, quer imitar em tudo Figo... Pois mas Figo nunca proferiu tais palavras. Jamais o dinheiro de alguém que se auto-intitula CR... chegará ao talento, à sobriedade, às palavras cuidadas de Figo.

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Doing it

Did or Done?
Dye or Survive?
felling and absorving everything, doesn´t make you God, makes you a person, a human being. Don´t let things to say just because you've got one mouth... Maybe, May   be, it will be too late, maybe, if you want to speak. IF, you're capable, just giv eup the good persons and carry on with your boring, annoying life!

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Duas coisas bonitas que me disseram e escreveram

Apesar dos pesares, aqui vão duas frases que me disseram nos últimos dias, a primeira, via mail, implica uma despedida e a segunda, bem, também o é... Mas foram-me ditas por alguém que não encontra mais ninguém como eu...

E eu só sei que nunca irei apagar este mail...
E eu só sei que estou a chorar...
E eu só sei que vou sentir muito a tua falta...
E eu só sei que nos havemos de ver um dia...
E eu só sei que embora possas estar longe, estarás sempre perto...
E eu só sei que te desejo o melhor, como o desejo para ******************...
E eu só sei que nunca me irei esquecer de ti, do que me deste, do que partilhamos...
Porque embora não entenda algumas coisas tuas, sinto que gosto de ti!!!

A outra foi, da mesma pessoa, a seguinte:

"Fazes parte do grupo dos melhores momentos da minha vida (de meia idade), senão o melhor, nunca ninguém me deu o que tu deste, da forma como deste e nunca chorei senão pela morte dos meus pais, choro por ti!"
NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Energias

Depois de uns dias a transmitir energia negativa, hoje, peguei numa boa companhia que preciava dar umas gargalhadas... Fingi tentar engatar o rapaz da Zon, e no carro vínhamos a ouvir Tiesto... Aos gritos, parecámos, não doidas mas alegres... parei o carro, pus a música no máximo e abri as portas, fechei os olhos e dancei como se estivesse numa rave... Foi fantástico, ar fresco, uns pulos, Tiesto, deu para dar um "pó c*****" aos problemas de saúde e outros...



NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

Recostem-se, liguem o som... Pensem em mim!

Desabafo dum amigo, que não encontra justificação para o seu pecado mortal, que é viver. Viver ao sol, gratuitamente, como um lagarto. Respondi-lhe que a maravilha da vida é tudo nela ter justificação. É, da mais rasteira erva ao mais nojento bicho, não haver presença no mundo que não seja necessária e insubstituível. Que, do contrário, era faltar na terra esta admirável plurivalência, que faz de uma tarde de sol, de trigo e de cigarras o mais assombroso espectáculo que se pode ver. O medir depois a distância que vai da formiga ao leão, da urtiga ao castanheiro, de Nero a S. Francisco de Assis, é uma casuística que não tem nada que ver com a torrente de seiva que inunda o mundo de pólo a pólo.

Foi-se, e à tarde apareceu-me com um belo poema.

Miguel Torga, in "Diário (1938)"


NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!

terça-feira, junho 01, 2010

Dentro de mim há uma

Porque eu tenho o meu lado infantil, hoje e ainda que fosse só por hoje, adorava que toda e qualquer criança fosse toda feliz comer as pporcarias que quisesse, correr e cair, esfolar o joelho, levar mimos... Quem não gosta do seu lado infantil?

NÃO SOU SUPERIOR, SUPERO-ME!